quarta-feira, 29 de abril de 2009

Resposta ao Edir Macedo

Segue na sequência o texto, na íntegra extraído do blog do Edir Macedo, bispo da igreja universal do reino de Deus e em seguida a minha resposta ao referido texto. Tem que ressaltar que tentei publicar minha resposta nos comentários no mencionado blog, porém em virtude de limitação de caracteres eu fiquei impossibilitado de realizar tal postagem e por isso resolvir publicar aqui nesse humilde espaço.

**********************************************************


A título de argumento aos amigos e, especialmente, ao povo da Iurd gostaria de fazer algumas colocações interessantes.

Será que os que me acusam de aproveitador, vigarista e ladrão não gostariam de estar em meu lugar???…

Será que eles me acusam porque são honestos, íntegros, verdadeiros e santos?

E se a santidade deles é tão acentuada assim, por que não são tão abençoados por Deus como gostariam? Seria Deus injusto para com eles?

Que Deus é Esse que abençoa um “bandido” e amaldiçoa os certinhos?

Ou será que mesmo na integridade eles não conseguem sucesso porque são incompetentes?
E não seria tamanha incompetência a verdadeira razão da inveja?


Vale o pensamento de Theodore Roosevelt: Não é o crítico que conta: o crédito pertence ao homem que está realmente na arena, cujo rosto está sujo de poeira, suor e sangue; que se esforça corajosamente; que fracassa repetidas vezes, porque não há esforço sem obstáculos, mas que realmente se empenha para realizar as tarefas; que sabe o que é ter grande entusiasmo e grande devoção e que exaure suas forças numa causa digna; que no final descobre o triunfo das grandes realizações e, caso venha a fracassar, ao menos fracassa ousando muito, de forma que seu lugar nunca será junto às almas frias e tímidas que não conhecem nem a vitória nem a derrota.”

*************************************************

Prezado Bispo,

Sou evangélico e tenho acompanhado todo esse movimento que ocorre hoje na igreja brasileira (não é exclusividade nossa) e digo, de plano, que sou a favor tão única e exclusivamente da Bíblia. E com toda sinceridade do meu coração, eu não consigo enxergar nela fundamentos básicos para a pregação da tão famigerada doutrina da prosperidade. Mas não é sobre isso que eu quero falar, mas sim do texto de vossa lavra que foi publicado em seu blog.

No mencionado texto o senhor se mostra indignado com as imputações que são dirigidas a sua pessoa. Se alguém afirma isso no sentido criminal, essa pessoa está cometendo um crime de calúnia (a não ser que essa mesma pessoa tenha provas concretas). E nesse ponto acho justo que se demonstre tal indignação pois ninguém é obrigado a suportar acusações levianas. Todavia, não creio que as acusações (basicamente dos evangélicos) tenham cunho criminal, mas sim espiritual, fato este que me perfilho.

Sim bispo, a luz da bíblia o senhor não passa de um falso mestre, pois a palavra que pregastes não se coaduna com os princípios bíblicos. Em absolutamente em nenhum lugar das Sagradas Escrituras eu consigo enxergar as heresias que o senhor propaga por intermédio da sua igreja.

O senhor questiona a nossa santidade com base na suposta ausência de bênçãos materiais. Olha bispo, eu até acharia graça, mas acontece que essas idéias têm enganado muitos fieis que estão realmente procurando conhecer a Cristo e que por isso mesmo tem feito com que estes fieis não alcance a liberdade (João 8:32). Desafio o senhor a me mostrar passagens bíblicas(sem nenhuma distorção) que provem que as bênçãos materiais são provas inequívocas de santidade. Pois, até onde se saiba, sabemos que a santidade decorre de uma vida santa, isto é, uma vida voltada exclusivamente pra Deus. Pensei em colocar algumas passagens que corroboram com o meu entendimento, mas tenho certeza que isso não é necessário, pois basta apenas abrir a bíblia em qualquer folha que você verá alguma coisa nesse sentido.

De forma irônica, o senhor questiona como pode um Deus abençoar um “bandido” e amaldiçoa o certinho. Ínclito bispo, se a teologia que tu pregas fosse a verdadeira com toda certeza eu já estaria queimando no fogo do inferno. Mas graças a Deus, não foi essa palavra que o Senhor Jesus deixou para nós. E por isso mesmo que estou muito seguro da minha salvação. Mas se o senhor falar nesse trecho sobre as tais bênçãos materiais, então a sua própria doutrina se contradiz pois como o senhor explica como muitas pessoas que não crêem em Jesus (muitos até zombam) são bem abastadas financeiramente? Seria Deus premiando os incrédulos? O senhor não acha isso um tanto quanto contraditório? Reflita bispo.

Nos dois parágrafos subseqüentes o senhor aborda a questão da incompetência para conquistar o sucesso. Ora bispo, de fato a incompetência impede a conquista do sucesso. Mas eu prefiro contar com a provisão divina na minha vida, pois por mais competência que eu venha ter, ela sempre será incompleta ao contrário da provisão de Deus. Isso não me impede de procurar melhorar e me capacitar para alcançar os meus sonhos (que, materialmente, são bem menores que os seus), a única diferença é que está tudo nas mãos de Deus pois eu não quero nada que não venha de cima.

Por fim, é interessante notar que o senhor usa um escritor qualquer ao invés de citar alguma referência bíblica (ou no mínimo, alguém com vida cristã destacada) para se justificar.

Bom bispo, creio que é isso aí. Minha luta não é contra o senhor ou qualquer outra pessoa, mas sim contra principados e potestades, e creio que é dever de todo (eu disse todo) cristão defender com zelo as Escrituras. Seria interessante se o senhor respondesse aos meus questionamentos pois a própria bíblia mostra que isso pode ser positivo, desde que feito com decência. Mas sou realista, e por isso creio que o senhor nem deva ler e muito menos responder. Afinal, quem sou eu para fazer com que o senhor disponha um pouco do seu tempo. Mas entenderei se não responderes pois sou pequeno demais para que se ocupe comigo. Ao contrário de vocês, eu prefiro ser considerado pequeno.

Mas enfim, caso o senhor me responda, favor fazer isso com respeito pois apesar da minha total discordância de ti, em nenhum momento ofendi a sua pessoa e assim pretendo ser tratado.

Obrigado!

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Precisamos nos levantar

video

Esse vídeo me fez lembrar da passagem em que Paulo assevera que é na fraqueza que ele é forte (2ª Corintios 12:10)

Sansão (republicado)

Que a Paz de Cristo esteja convosco!!

As passagens abaixo transcritas foram tiradas do livro de Juízes:

13:5 - "porque eis que tu conceberás e darás à luz um filho sobre cuja cabeça não passará navalha; porquanto o menino será nazireu consagrado a Deus desde o ventre de sua mãe; e ele começará a livrar a Israel do poder dos filisteus."

15:14 - "Chegando ele a Lei, os filisteus lhe saíram ao encontro, jubilando; porém o Espírito do SENHOR de tal maneira se apossou dele, que as cordas que tinha nos braços se tornaram como fios de linho queimados, e as suas amarraduras se desfizeram das suas mãos."16:1 -"E foi-se Sansão a Gaza e viu ali uma mulher prostituta, e entrou a ela."

16:20 - "E disse ela: Os filisteus vêm sobre ti, Sansão! Tendo ele despertado do seu sono, disse consigo mesmo: Sairei ainda esta vez como dantes e me livrarei; porque ele não sabia ainda que já o SENHOR se tinha retirado dele."

16:23 - "Então, os príncipes dos filisteus se ajuntaram para oferecer grande sacrifício a seu deus Dagom e para se alegrarem; e diziam: Nosso deus nos entregou nas mãos a Sansão, nosso inimigo."

16:28 - "Sansão clamou ao SENHOR e disse: SENHOR Deus, peço-te que te lembres de mim, e dá-me força só esta vez, ó Deus, para que me vingue dos filisteus, ao menos por um dos meus olhos."
16:30 - "E disse: Morra eu com os filisteus. E inclinou-se com força, e a casa caiu sobre os príncipes e sobre todo o povo que nela estava; e foram mais os que matou na sua morte do que os que matara na sua vida."

Meus queridos, Deus tem tocado meu coração no que diz essa palavra, e eis que, como servo d'Ele, venho dividir isto com vocês.Façamos um brevíssimo resumo destas passagens. A mãe de Sansão recebe a noticia que seu futuro filho é consagrado por Deus para libertar o povo de Israel do domínio dos Filisteus; O Espírito de Deus concede grande força para Sansão; Sansão não é obediente à palavra de Deus e se desvia; O Espírito Divino saí da presença de Sansão; Sansão cai; Sansão se arrepende; Sansão liberta o povo de Israel.

O que será que Deus quer falar com você hoje? É simples, nesta passagem foi relatada a vida de um escolhido de Deus, mas que por circunstancias se desviou, e chegou a cair. Contudo ele se arrependeu e o melhor de tudo é que Deus o perdoou e fez que se cumprisse o propósito nele.

Talvez meu amigo, você pode está vivendo a mesma situação que viveu Sansão, pois você como eleito de Deus, não tem obedecido aos seus mandamentos e por isso pode vir a cair (se isso já não tiver acontecido). Sabe, o diabo quer isso mesmo de você, que você simplesmente ignore as leis de Deus, pois ele sabe que enquanto estiveres obediente, o mal não poderá lhe tocar. O diabo sabe que se não nos mantermos fieis e obediente à palavra, ele se retirará de nós e seremos presas fáceis para o inimigo. Como disse anteriormente, Sansão foi escolhido e consagrado de Deus, mas nem isso foi capaz de evitar a queda dele, pois o Reino de Deus e desobediência não se comprazam. Se você está nessa situação, vivendo em desobediência, o momento é este!!! Se arrependa, volte para os braços do Pai antes que seja tarde e, a exemplo de Sansão, você caia.

Esta palavra é tão maravilhosa, que ela não pára por aí. Pois meu amigo, se você já caiu, Deus tem uma revelação maravilhosa na sua vida neste momento: Se arrependa, e clame por sua misericórdia, entregue sua vida por completo a Ele, e Ele te restaurará. Assim como Deus ouviu a oração de Sansão (16:28), ele escutará a sua também, pois por mais horríveis que tenha sido seus pecados ele nunca esqueceu de ti, (Isaias 49:15-21) e está apenas esperando o seu arrependimento para recebê-lo de braços abertos.

Você é um escolhido de Deus, e assim como Sansão você também tem um chamado. Não despreze este chamado por causa de prazeres deste mundo, pois tudo isto aqui é passageiro, todavia o que Deus tem reservado pra você é muito melhor e eterno. Não se venda por tão pouco, volte para a casa do Senhor!!! Sansão se arrependeu a tempo, e Deus o perdoou. E você, vai esperar até quando para voltar para os braços de Deus??

Bom, tenho certeza que estas palavras já penetraram em seu coração, pois Deus fala que a palavra d’Ele nunca volta vazia (Isaias 55:11). Meu querido, a decisão está única e exclusivamente em tuas mãos, pois Deus não é um Deus de invasão, mas sim de convite, e neste dia Ele te convida a fazer parte do Reino de Deus.

fonte: meu blog anterior

terça-feira, 14 de abril de 2009

Piadinha para descontrair

Um ateu estava passeando em um bosque, admirando tudo o que aquele "acidente da evolução" havia criado.
- Mas que árvores majestosas! Que poderosos rios! Que belos animais!Lá ia ele dizendo consigo próprio.
À medida que caminhava ao longo do rio, ouviu um ruído nos arbustos atrás de si. Ele virou-se para olhar para trás. Foi então que viu um corpulento urso-pardo caminhando na sua direção. Ele disparou a correr o mais rápido que podia.Olhou, por cima do ombro, e reparou que o urso estava demasiado próximo.Ele aumentou mais a velocidade.Era tanto o seu medo que lágrimas lhe vieram aos olhos.Olhou, de novo, por cima do ombro, e, desta vez, o urso estava mais perto ainda.O seu coração batia freneticamente. Tentou imprimir maior velocidade.Foi, então, que tropeçou e caiu desamparado.Rolou no chão rapidamente e tentou levantar-se. Só que o urso já estava em cima dele, procurando pegá-lo com a sua forte pata esquerda e, com a outra pata, tentando agredí-lo ferozmente.
Nesse preciso momento, o ateu clamou:
- Oh meu Deus!....
O tempo parou.O urso ficou sem reaçãoO bosque mergulhou em silêncio.Até o rio parou de correr.
À medida que uma luz clara brilhava, uma voz vinda do céu dizia:
- Tu negaste a minha existência durante todos estes anos, ensinaste a outros que eu não existia, e reduziste a criação a um acidente cósmico. Esperas que eu te ajude a sair desse apuro? Devo eu esperar que tenhas fé em mim?
O ateu olhou diretamente para a luz e disse:
- Seria hipocrisia da minha parte pedir que, de repente, me passes a tratar como um cristão, mas, talvez, possas tornar o urso um cristão?!
- Muito bem - disse a voz.
A luz foi embora.
O rio voltou a correr.
E os sons da floresta voltaram.
E, então, o urso recolheu as patas, fez uma pausa, abaixou a cabeça e falou:
- Senhor, agradeço profundamente, por este alimento que me deste e que agora vou comer. Amém.

************************

não sou muito a favor de piadas que contenham esse tipo de conteúdo. Todavia esta piada - na minha humilde opinião - é muito engraçada e possui uma mensagem muito triste por tras desse chister. A parte triste se refere ao fato de que muitas pessoas renegam o nome de Cristo mesmo sabendo que Ele é o Único salvador, simplesmente porque não admitem mudar de opinião pois isso demonstraria uma suposta falta de personalidade. Falo isso porque ja fui um desses e precisei ir até o fundo do poço para quebrantar meu coração e sei que esse tipo de pessoa são as que mais sofrem porque estão presos pelo próprio orgulho. Para essas pessoas devemos ter um pouco mais de paciência, pois são justamente essas que para defender seu ponto de vista procuram nos ofender. Que Deus tenha misericórdia dessas pessoas.

sexta-feira, 10 de abril de 2009

Feliz Páscoa!!

Gostaria de desejar uma feliz páscoa a todas as pessoas e que estas mesmas pessoas possam levar em seu coração o significado dessa data tão importante (para mim a mais importante) para a humanidade!!

Ps.: Quem quiser, pode me enviar ovos de páscoa. rsrs

domingo, 5 de abril de 2009

Exemplo de propaganda do Reino de Deus

Assim deveria ser um cartaz de um encontro evangélico!


Coração ambicioso

Números 16:8-10

"Disse mais Moisés a Corá: Ouvi agora, filhos de Levi! Acaso é pouco para vós que o Deus de Israel vos tenha separado da congregação de Israel, para vos fazer chegar a si, a fim de fazerdes o serviço do tabernáculo do Senhor e estardes perante a congregação para ministrar-lhe e te fez chegar, e contigo todos os teus irmãos, os filhos de Levi? procurais também o sacerdócio?"

Que a paz de Cristo esteja sempre convosco!

Após a leitura de Números 16, percebi que os versículos expostos acima me chamaram atenção no sentido de que o questionamento feito por Moisés é muito atual. Para falar disso eu preciso contextualizar a passagem apresentada.

Cora, Datã e Abirão são três levitas que se deixaram picar pelo mosquito da vaidade e ambição, pois não satisfeitos, desejavam alçar posições mais altas afim de obter mais poder e uma posição mais elevada. Para atingir tal objetivo desafiaram a autoridade de Moisés e a ordem de Deus acerca da exclusividade de Arão se o sumo sacerdote.

Essa passagem mostra que todo crente deve andar sempre atento com a sua ambição pois estes homens, certamente, foram homens que andavam conforme os mandamento divinos, mas que em algum momento de suas vidas relaxaram e se desviaram.

Quando iniciamos nossa caminhada com Cristo tudo são flores, afinal, vivemos a fase do primeiro amor. Nesse período nosso coração está voltado somente para as coisas do céu. Todavia a vida é dura, e como a Bíblia já nos alerta devemos sempre vigiar, orar e jejuar. Muitas vezes falhamos nesse propósito e acabamos por assimilar algumas idéias mudanas. Neste post vou me ater somente a questão da ambição, mas poderia citar uma infinidades de princípios não bíblicos.

O grande problema disso é que geralmente esses princípios são inseridos e não são prontamente percebidos nem por terceiros e nem pela própria pessoa, já que quase sempre a mudança ocorre no coração e não se manifesta exteriormente.

É claro que após certo tempo esses sentimentos vão ser manifestados, assim como foi na narrativa bíblica. Por isso, mais uma vez eu clamo aos irmãos que vigieis quanto àquilo que entra em vossos corações. Não se deixem contaminar por nenhuma idéia que seja contrária aos princípios cristãos.

No início do texto afirmei que a pergunta que Moisés tinha feito aos rebeldes era atual. Disse aquilo porque vejo muita semelhança entre a atitude dos levitas e a ambição dos ministros da Palavra de Deus. Muitos pastores/ apóstolo/ reverendo/ conferencistas/ doutores não aceitam o cargo que Deus lhes concedeu e estão buscando sem o menor escrúpulos ser maiores dentro da nossa sociedade. No coração desses homens bate o desejo de poder, fama, glórias.

Nós, como povo de Deus, temos por obrigação nos afastar dessas pessoas pois as mesmas já foram contaminadas pelo mosquito da vaidade e não possuem qualificação para conduzir o povo de Deus.

O que é mais grave ainda é que esses ambiciosos usam o povo e a Palavra de Deus para atingir seus objetivos mesmos que para isso seja necessário envergonhar o nome de Deus. Percebe-se, ainda, que, assim como os personagens bíblicos, esses pastores passam por cima dos desígnios divinos e desafiam a autoridade de Deus.

A Bíblia relata que os três rebeldes foram engolidos, junto com suas casas e a todos que os seguiam, pela terra por causa de sua iniqüidade. Por isso irmãos, não seja um desses seguidores que serão engolidos pela terra, apartem-se desses lobos que amam a si próprios. Não se deixem levar pelas mentiras de prosperidades, grandezas materiais, ou quaisquer outras distorções bíblicas.

Acho que isso é só. Por isso irmão vou reprisar as duas principais mensagens desse texto: vigia o seu coração e afasta-se dos lideres corrompidos e ambiciosos, já que biblicamente falando, essas duas características fogem completamente do ideal de Deus.

Bye

sábado, 4 de abril de 2009

Diário de viagem

Olá queridos amigos.

Conforme prometido anteriormente, vou falar um pouco do que pude perceber da igreja evangélica lá em Sergipe. Foram três semanas de muitas viagens pelo interior e muitas andanças pela capital. Tudo que falarei agora não tem nada de científico, isto é, não fiz nenhuma pesquisa séria, apenas vou falar o que andei vendo e o que realmente me chamou a atenção nesse período.

Em Aracajú, infelizmente, não vi tantas igrejas evangélicas como tem aqui em Brasília. A situação piora um pouco mais fora do centro da cidade. Onde estive constatei apenas duas igrejas num raio de 1 km de onde estava ficando. Confesso que não tive oportunidade de freqüentar nenhum dos cultos devido a questões pessoais. Na capital pude perceber que a igreja Presbiteriana tem boa representatividade com bom número de templos. Outra igreja que vi em boa quantidade foi a IURD. Vi ainda a igreja da Graça, Batista, Metodista dentre outras de menor popularidade. Não vi, mas sei que também tem a Sara Nossa Terra na localidade.

Já no interior a situação definitivamente se torna mais grave. Contudo há de se ressaltar que em todos os povoados e municípios em que estive eu vi pelo menos uma Assembléia de Deus em cada uma delas. Vi também uma igreja Quadrangular, e algumas poucas IURD e Metodista. Confesso que me decepcionei, e muito, com a atuação nula de igrejas tradicionais como a Batista e Presbiteriana na qual simplesmente não vi nenhuma.

Apesar da atuação das igrejas no interior do estado pude perceber claramente que o número ainda é insuficiente e que o povo dessas localidades precisam urgentemente conhecer o evangelho de Cristo. Em mim nasceu uma vontade de poder voltar lá um dia pra poder levar a Palavra da Salvação àquelas pessoas e com a graça e misericórdia de Deus eu voltarei lá pra realizar esse sonho que alimento hoje.

Ainda não tive oportunidade de adentrar, neste blog, sobre os trabalhos missionários (pretendo fazer num futuro bem próximo), mas desde já adianto que esse é um campo de assunto que muito me atrai e pretendo abordar esse tema num futuro bem próximo. Todavia, cabe sugerir àquelas igrejas com poucos recursos financeiros para bancar uma viagem missionária para o exterior, que olhem com bastante carinho para essa faixa territorial brasileira. O campo aqui é fértil, isso eu garanto. Não é necessário grandes recursos como uma viagem pro exterior.

É isso ai pessoal. Pensem nisso.

Um grande abraço fraternal!

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Bebê morre sem receber alimento porque não dizia "amém"

Uma americana que interrompeu a alimentação do filho de 1 ano e 4 meses porque ele deixou de falar "amém" antes das refeições, admitiu a culpa na morte da criança, em Baltimore, no Estado de Maryland.

Ria Ramkissoon, 22 anos, faz parte de um culto chamado 1 Mind Ministries (Ministérios de uma mente, em tradução livre), cuja líder, Queen Antoinnette, havia ordenado em janeiro de 2007, que o bebê não fosse alimentado enquanto não dissesse "amém" antes das refeições. A criança morreu de inanição.

Segundo os promotores do caso, os membros da seita diziam que o bebê estava possuído pelo demônio.

Ria foi condenada a 20 anos de prisão e a cinco de condicional, mas o juiz disse que ela terá a pena reduzida se aceitar testemunhar contra os membros da seita.

O acordo para a redução da pena inclui que ela passará por um programa para se desligar do culto. Segundo os promotores, Ria ainda teria insistido que a Justiça concorde em reduzir sua pena se ela conseguir "ressuscitar o bebê".

"Isto foi algo que ela insistiu e é um claro indicativo de que ainda é vitima deste culto. E até que se desligue de sua influência, não pensará diferente", disse o advogado de Ramkissoon, Steven Silverman, em entrevista à uma rede de TV local.

Segundo o jornal local Baltimore Sun, a promotora Julie Drake relatou que depois da morte do bebê, a líder da seita ordenou que ele fosse colocado em um sofá enquanto membros do culto rezavam ajoelhados e a mãe dançava em volta do corpo.

Uma semana após a morte, o corpo da criança foi embalado em um cobertor e transportado com o grupo dentro de uma mala para a Filadélfia.

Segundo os relatos, a mãe teria rezado por mais de um ano ao lado do corpo da criança para que ela ressuscitasse. O corpo foi encontrado em abril de 2008.

O julgamento de Antoinette, 40 anos, e de outros três membros do culto estava marcado para a segunda-feira, mas foi adiado porque eles não têm representantes legais.

"Deus é meu defensor", teria dito a líder da seita.

Fonte: site do Terra